Índice de Artigos

Conhecendo as principais TRIBOS:
 
  • As tribos urbanas são grupos de pessoas que se unem com base em interesses comuns, e em conformidade com hábitos, ideias e maneiras de se vestir. A expressão "tribo urbana" foi criada em 1985 pelo sociólogo francês Michel Maffesoli e, desde então, muitas tribos desapareceram, e outras ganharam uma nova roupagem. Você se identifica, ou pertence a alguma tribo da nossa lista? Conheça alguns aspectos gerais desses 35 grupos.

     
     
  • 1. Hippies - O movimento hippie "paz e amor" foi um comportamento de contracultura dos anos 1960, em que os jovens buscavam viver de forma coletiva e nômade, longe do mercado de trabalho formal. Esteticamente, os hippies usavam cabelos e barbas mais compridos do que o aceitável socialmente na época, e até hoje muitos jovens seguem essa tendência nômade no meio digital. Os Beatles foram porta-vozes do movimento
    Imagem: Pixabay
     
     

  • 2. Hip hop - O hip hop foi um movimento da década 1970 iniciado nas áreas centrais de comunidades jamaicanas, latinas e afro-americanas da cidade de Nova York, nos EUA. Estes guetos enfrentavam diversos problemas sociais, e os jovens encontravam na rua o único espaço de lazer, onde usavam a arte, música e dança para canalizar a violência. Os adeptos do hip hop usam roupas largas, bonés e bermudas

     
     
  • 3. Skinheads - Os skinheads, ou "cabeças raspadas", são uma tribo que se iniciou no final da década de 1960 no Reino Unido. Inicialmente, eram identificados apenas pelo mesmo corte de cabelo, porém, em 1970 a questão racial e a política viraram fatores determinantes no grupo, dividindo-os em extrema-direita, extrema-esquerda e apolíticos. Os integrantes geralmente usam botas ou suspensórios e têm uma cultura ligada à música e virilidade
     
     
     
  • 4. Punks - A tribo dos punks surgiu no fim da década de 1970 como reação à não violência e ao otimismo exacerbado dos hippies. Seus membros seguem a contracultura punk em estilo musical e regras de comportamento, o que inclui autonomia, interesse pela aparência agressiva, simplicidade, sarcasmo niilista e, principalmente, a luta política pela liberdade anarquista e anticonsumista
     
  • 5. Surfistas - A tribo dos surfistas surgiu nos Estados Unidos durante a década de 1950, com a popularização do surfe no Estado da Califórnia. Os membros desta tribo idolatram a natureza, as ondas do mar e as energias, e se vestem com roupas leves como bermudas e saias, e também trajes esportivos
  • 6. Motoqueiros - Esta tribo surgiu no Reino Unido em meados de 1950 e unia apaixonados por motocicletas do tipo "café racer". Na época, o grupo era associado à intimidação e masculinidade, porém, com o passar do tempo, a tribo se organizou em famílias de apaixonados por motocicletas e estradas. Atualmente, a tribo mantém o mesmo visual, usando capacete aberto, óculos aviador, bandana, jaqueta de couro e botas


  • 7. Nerds - O termo nerd surgiu em 1951 numa citação da revista "Newsweek", e, já em 1960, era usado nos Estados Unidos e Escócia para descrever pessoas apaixonadas por leitura e pouco sociáveis. A tribo dos nerds é composta por pessoas vistas socialmente como excessivamente intelectuais, tímidas, excêntricas e com falta de habilidade social, porém, o grupo é apaixonado por ficção científica, tecnologia e games


     
     
  • 8. Roqueiros - O termo "roqueiros" é usado comumente para identificar amantes do gênero musical, e não tanto para designar uma tribo. Os roqueiros compartilham os mesmos valores artísticos e sociais, e costumam usar roupas pretas, camisetas de bandas ou caveiras, jaquetas de couro e coturnos. Muitos deles tocam algum instrumento musical. Quem se diz roqueiro mas não curte rock de verdade é chamado de "poser"
     
     
  • 9. Metaleiros - A tribo dos metaleiros é composta por fãs de heavy metal e surgiu em meados de 1970 na Inglaterra e Estados Unidos. O termo é associado ao "bater cabeça" que os fãs praticam durante os shows, incentivado inicialmente pelas bandas Black Sabbath, Deep Purple e Led Zeppelin. Os metaleiros usam cabelos compridos, roupas pretas, casacos de couros, patches e camisetas de bandas de metal

     
     
     
  • 10. 

     
     
  • 11. Góticos - A tribo dos góticos surgiu no Reino Unido entre 1970 e 1980 e é composta por fãs dos gêneros musicais gótico, pós-punk, darkwave e etheral wave, que tocavam músicas com letras soturnas. Os góticos usam um visual sombrio, com estilo vitoriano, fetichista ou lolita, e seus primeiros adeptos no Brasil foram chamados de Darks, curtindo bandas como Joy Division, The Cure, entre outras


  •  
     
  • 13. Funkeiros - O funk brasileiro surgiu nas favelas do Rio de Janeiro a partir de 1970, com os bailes da pesada, black, soul, shaft e funk, e com letras que refletiam o cotidiano da comunidade, porém se consolidou a partir de 1990, e até hoje é muito criticado pelas letras às vezes obscenas e com referências à violência e tráfico de drogas. Os funkeiros usam roupas de marcas famosas, acessórios dourados, bonés e vestidos curtos


     
     
  • 14. 

     
     
     
  • 15. Clubbers - A tribo dos clubbers surgiu em meados da década de 90 na Inglaterra e era composta por jovens com um estilo de vida hedonista que frequentavam festas de música eletrônica, em contraponto aos punks, pois não tinham a menor motivação social. Os clubbers são extremamente ligados à estética e à vida noturna, e usam cores vivas e fluorescentes, estampas alucinógenas e acessórios em neón


  • 16. Otakus - O termo "otaku" surgiu por volta de 1989 no Japão, e em 1992 nos Estados Unidos, onde foi difundido pela revista Animerica, para identificar indivíduos fanáticos por animação e histórias em quadrinhos japoneses. Os otakus se reunem em eventos e são caracterizados por se fantasiarem de personagens, além de difundirem a cultura japonesa através de músicas, jogos e apresentações


     
     
  • 17. Bikers - A tribo dos bikers compartilha a mesma paixão pelo ciclismo, e quando os profissionais ou amadores se encontram, parecem ser amigos de infância, trocam informações sobre equipamentos, rotas, dietas, suplementos, roupas e lugares bacanas para pedalar. Não existe distinção entre classes, raça ou credos na tribo, mesmo com os "speeds", que são os ciclistas mais elitizados devido ao modelo da bike


     
     
  • 18. Emos - O gênero musical emo surgiu em 1980, com uma musicalidade melódica e letras confessionais, e se popularizou no início de 2000 com Jimmy Eat World e Dashboard Confessional. Em 2003, a tribo urbana emo se estabeleceu no Brasil, unindo fãs de comportamento emotivo e tolerante, que usavam trajes pretos, listrados, cabelos coloridos e franjas sobre os olhos


  • 19. Hipsters - O termo hipster foi criado nos anos 1940 inicialmente ligado à música, e ressurgiu em 1990 associado ao cinema, literatura, design, moda e artes visuais, definindo um estilo de vida baseado em padrões estéticos, de consumo e comportamento alternativo ao do grande público. Com um estilo extravagante, os hipsters consomem música alternativa, roupas modernas, vintages, chapéus e acessórios que saíram de moda


     
     
  • 20. Geeks - "Geek" em 1876 era sinônimo de "bobo". Já em 1990, o livro "Jargon File" definiu o termo para identificar "uma pessoa que escolheu a concentração no lugar da conformidade; alguém que busca objetivo e imaginação, não a adequação social padronizada". Os geeks são fãs de tecnologia, jogos, livros e séries, e se definem como "técnicos, doutores, autodidatas, apaixonados pelo que fazem e compreendem"


  • 21. Yuppies ou YUP - A tradução de YUP é "jovem profissional urbano", e o termo é designado a jovens entre 20 e 40 anos de idade, de classe média e alta, com formação universitária, que trabalham na área em que se formaram, e são focados na vida profissional e aquisição de bens, o oposto dos hippies da geração anterior. E, apesar do ar informal, os yuppies são conservadores e possuem hábitos de consumo sofisticados

    I
  • 22. Veganos - Os veganos são uma tribo que milita sobre o direito dos animais e meio ambiente. Os adeptos do veganismo boicotam os produtos de origem animal e derivados no que se refere ao vestuário, alimentação, medicamentos, cosméticos, agropecuária exploratória, entre outros


     
     
  • 23. Playboys - O termo playboy foi criado no início dos anos 1950, quando os Estados Unidos viviam uma onda de prosperidade financeira, e os filhos de famílias que enriqueceram passaram a levar um estilo de vida luxuoso, baseado em festas, relacionamentos efêmeros e consumo. Esta tribo de "bon vivants" no Brasil é composta por homens bem sucedidos, que, em alguns casos, se mantêm às custas do dinheiro dos pais


     
     
  • 24. Patricinhas - A tribo das patricinhas no Brasil, ou betinhas em Portugal, é identificada por mulheres bem cuidadas, ricas, mimadas, consumistas, modistas, e superprotegidas pelos pais. Em muitos locais, o termo patricinha, ou mauricinho para os rapazes, refere-se a pessoas fúteis, que vivem para o consumo e aparência. O ícone desta tribo é o filme "As Patricinhas de Beverly Hills", e a grande ídola é a socialite Paris Hilton


     
     
  • 25. Dorks - Os dorks são estereotipados como nerds sem inteligência e fora do padrão estético, ou muito magros, ou obesos, e que usam óculos com aros pretos e grossos, geralmente emendados com fita ou resina. Os membros desta tribo são fanáticos por games e se reúnem em comunidades para trocar conhecimento sobre temas medievais e ficção científica


     
     
  • 26. Mods (ou Modernistas) - Os mods surgiram em Londres, no Reino Unido, entre 1950 e 1960, como grupos de jovens de classe média que tinham familiares ligados à produção de tecidos, e eram obcecados pelas tendências de moda e estilos musicais, como ternos italianos acinturados e jazz. A tribo dos mods andava de scooter e mantinha uma vida noturna agitada nos pubs, em parte impulsionada pelo uso de anfetaminas


     
     
  • 27. Teddy Boys (ou Rockabilly) - A tribo dos teddy boys surgiu em Londres na década de 1950, e era composta por homens que usavam roupas inspiradas no estilo da era eduardiana e curtiam rock'n roll e rockabilly americano. Os adeptos costumavam brigar intensamente com os Mods
    I
     
     
  • 28. Skatistas - A prática do skate teve início nos anos 60, na Califórnia (EUA), onde surfistas adaptaram o esporte aquático ao asfalto. Esta tribo é identificada por gostos musicais semelhantes, como o rock, hip hop e rap, por carregarem sempre o skate embaixo do braço e por vestirem roupas confortáveis, como boné, calças largas, tênis, shorts e camisetas de algodão
     
     
  • 29. Cosplayers - A tribo de cosplayers é composta por pessoas que usam fantasias de personagens de animes, mangás, quadrinhos, filmes ou jogos de videogame. Os adeptos da arte utilizam maquiagem, interpretação e vestuário para incorporar o ego do personagem em performances. O termo tem origem em 1939, na primeira Worldcon, com a apresentação de fantasias inspiradas no filme "Things to Me", prática chamada na época de "fan costuming", ou "fãs fantasiados"


     
     
  • 30. Indies - O termo indie surgiu na década de 1970, e é uma abreviação de "independente". A tribo dos indies defende causas animais, apoia organizações ambientais e muitos seguem o vegetarianismo. Os adeptos utilizam muitas peças retrôs, vintage, old school e grunge, e esteticamente lembram muito os hippies, porém, a base do movimento é o consumo consciente


     
     
  • 31. Straight Edge - Os straight edges surgiram nos anos 80, e sua tradução é "caminho reto". Esta tribo defende a total abstinência de álcool, drogas e tabaco, como forma de resistência a uma sociedade que leva os indivíduos a se degradarem. Os adeptos são identificados por usar um "X" na mão, roupas, adesivos e botons, e alguns ainda utilizam a letra do final do nome pessoal, ou da banda preferida
     
     
  • 32. Preppies - O termo preppy surgiu entre 1970 e 1980 para se referir a uma tribo urbana de estudantes de colégios renomados nos Estados Unidos. Esses jovens eram identificados por um vocabulário sofisticado, atitudes refinadas, status e por zelarem pela reputação. Atualmente, os preppies praticam esportes como esgrima, natação, tênis e golfe, porém não mantêm o mesmo estilo de vida esnobe da primeira geração


     
     
  • 33. Dirces - A tribo das dirces é composta por mulheres tatuadas, com piercings e um visual moderno, e que gostam de cozinhar, cuidar da casa, e compartilhar receitas culinárias. As dirces são prendadas e cheias de habilidades domésticas, e se orgulham disso


     
     
  • 34. Bling-Bling - A tribo dos bling-bling, ou blings é composta por rappers e fãs de rap e hip hop que adotam um estilo cheio de joias, brincos, símbolos de cifrão e muita ostentação. O nome "bling" se refere ao som da abertura de uma caixa registradora, e simboliza uma entrada de capital incessante. Os adeptos do movimento consideram os rappers Puff Daddy, e 50 Cent como ícones
    I
     
     
  • 35. Dândi - A tribo dos dândis é composta por homens de gosto refinado e um fantástico senso estético, que se consideram cavalheiros, nobres, e diferenciados socialmente, porém não são necessariamente ricos. Estes homens se preocupam demais em se destacar socialmente pela aparência, e muitas vezes são considerados fúteis. O termo surgiu no século 19