Lista de Mensagens - alcancevitoria | 2016

Filtrar media by:
Ter, Mai 06, 2014
Passagem: Josué 1.9
07 DE MAIO DE 2014 Foi sobre isso que o Senhor me falou na madrugada. É sobre isso que quero compartilhar contigo. Naquela madrugada, O Senhor me deu uma visão de três dimensões sobre como romper minhas limitações. Veio na minha mente um desenho onde havia uma base em forma de espelho, que resplandecia uma cruz e o Senhor me ministrou sobre o que significa cada uma destas variáveis: O que Deus me mostrou é que o processo de romper limitações deve ser trabalhado em todas as direções, buscando equilibrar e o crescimento ser sustentado no longo prazo.
Dom, Jan 26, 2014
Passagem: Atos 18.1-23
Até mesmo os mais fortes, por vezes, desanimam. Foi isso que aconteceu com Paulo, em Corinto, quando olhou para os magros resultados da sua pregação. Os coríntios resistiam e blasfemavam da mensagem do apóstolo (Atos 18.6). Valeria a pena continuar? Não seria melhor ir para outra cidade? Deveria ou não continuar? Foi diante deste conjunto de dúvidas que o Senhor veio em auxílio do seu servo: -"não temas, Paulo, não desanimes, mas fala e não te cales, pois tenho muito povo nesta cidade..." Nestes momentos, Deus nos encoraja. Como ele faz isso?
Ter, Mai 29, 2012
A maior das cartas é dirigida a menos importante das sete cidades. Tiatira não era nenhum centro político ou religioso. Sua importância era comercial. Ficava no caminho por onde viajava o correio imperial. Por este caminho se transportava todo o intercâmbio comercial entre Europa e Ásia. 2. Tiatira era sede de vários grêmios de comércio importantes (lã, couro, linho, bronze, tintureiros, alfaiates, vendedores de púrpura). Uma dessas corporações vendiam vestimentas de púrpura e é provável que Lídia era uma representante dessa corporação em Filipos (At 16.14). Estes grêmios tinham fins tanto de mútua proteção e benefício como de tipo social e recreativo.
Sáb, Abr 16, 2011
Passagem: Mateus 16.24
Duração: 36 mins 51 secs
Mensagem pregada na IBI Vitória em 17abr2011 - Jesus lança um desafio para a multidão que o seguia. Esse desafio incluía até mesmo os doze homens que continuariam a sua obra depois do seu retorno aos céus. Ainda não estavam bem claros na mente dos discípulos os objetivos de Jesus. Alguns relacionavam a sua obra com os homens do passado, como João Batista, Elias, Jeremias, ou outros grandes profetas, mas em Mateus 16.24, Jesus resume o que espera dos seus discípulos, isto é aqueles que estão dispostos a segui-lo: “Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome sua cruz e siga-me”. Só podemos ser discípulos se:
Dom, Fev 06, 2011
Passagem: Mateus 6.9-13
Duração: 29 mins 47 secs
O crente em Cristo Jesus tem um privilégio inigualável: Orar a Deus. No sermão da Montanha, Jesus ministrou aos seus discípulos uma modelo de oração, não para ser repetido diariamente, mas para que possamos alinhar nossa vida aos propósitos do Reino de Deus.
Qua, Set 30, 2009
Passagem: João 4.40-42
Duração: 31 mins 59 secs
Encerrando a campanha de missões da CIBI na Igreja Batista Independente Pedras Vivas na cidade de Paulínia, SP, o pastor Elton Melo ministrou sobre a fontes de águas vivas, com base no texto de João 4.40-42
Sáb, Mar 12, 2005
Amados, esta é uma noite especial. É noite de Ceia do Senhor. Estamos no mês da páscoa, onde nossas crianças estão esperando já os doces, os chocolates e é preciso sempre lembrar qual é o verdadeiro sentido da páscoa, o qual foi instituído nos tempos antigos pelo Senhor nosso Deus. Abra sua bíblia em Êxodo 12.1-11
Seg, Fev 05, 1923
Séries: História
O sobrenome Moody é muito conhecido pela maioria dos cristãos de fala inglesa. Por quê? A resposta está cheia de desafio e inspiração para todos nós que desejamos ser servos do Rei. R. A. Torrey, sucessor de Moody como presidente do Moody Bible Institute, deu a resposta a esta pergunta em um trabalho memorial em 1923, vinte e três anos depois da morte do Reverendo Moody. O título do discurso foi "As razões pelas quais Deus usou Dwight Moody". Destacou 7 pontos destacáveis das características mais importantes da vida de Moody. Poucos conheciam Moody tão intimamente como Torrey o conheceu.
Dom, Abr 12, 1891
Passagem: João 10.35
Séries: História
Eu me encontrei cara a cara com a pergunta: Por que você acredita que a Bíblia é a Palavra de Deus? Eu não tive uma resposta satisfatória. Eu decidi ir ao fundo desta questão. Se não houvesse provas satisfatórias de que a Bíblia era a Palavra de Deus, eu daria tudo, custaria o que pudesse. Se pudesse ser encontrada prova satisfatória de que a Bíblia era a Palavra de Deus, eu tomaria minha posição sobre ela, custaria o que pudesse. Sem dúvida tive muitos amigos que poderiam ter respondido a pergunta satisfatoriamente, mas não estava disposto a confidenciar a eles a luta que estava acontecendo em meu próprio coração; assim busquei ajuda de Deus e dos livros, e depois de muito estudo e pensamento dolorosos saíam das trevas do ceticismo para a ampla luz do dia da fé e da certeza de que a Bíblia do começo ao fim é a Palavra de Deus. As páginas seguintes são em grande parte o resultado dessa experiência de conflito e vitória final. Eu darei Dez Razões porque eu acredito que a Bíblia é a Palavra de Deus.
Powered by: truthengaged