Publique seu LIVRO

Referências sobre R. A. Torrey

Testemunhos de Cura Através de Torrey

Um jovem morrendo de febre tifóide é curado
A deformidade de uma criança é curada
Uma mulher paralisada é curada
Própria orelha de Torrey é curada
Menino com meningite curada

Artigos

O reavivamento galês e a missão de Londres
A companhia do Espírito Santo
Reuniões ao ar livre
Como lidar com aqueles que têm pouca ou nenhuma preocupação com suas almas
O uso de tratos
Você está criticando a Deus?
A Grande Atração: O Cristo Erguido
O poder da oração
O Segredo da Paz Permanente
Olhando para jesus
Como orar
Como Guias de Deus
A concepção cristã de Deus
Começo certo
Endereços Revival
Como Orar (livro inteiro)
Doutrinas Bíblicas
O batismo com o Espírito Santo
A Bíblia Inglesa
As doutrinas fundamentais da fé cristã
Anedotas e ilustrações
Salvação Através De Uma Reunião De Torrey
Torrey denuncia Dowie
Decriptos Revival Torrey
Como estudar a Bíblia para obter o maior lucro
Relatório sobre o renascimento na Austrália
Como promover e conduzir um renascimento bem sucedido: com esboços sugeridos

Áudio e Vídeo Sobre Torrey

A Bíblia como a Palavra de Deus em sua própria voz
Muitos vídeos do YouTube sobre os sermões de Torrey são lidos em voz alta ou reeditados

Enterrado

Conferência Bíblica Montrose 
Colina da Conferência 
Montrose, PA 18801


Fonte: Copyright © 2005 por Healing and Revival Press. WWW.HEALINGANDREVIVAL.COM 

Orçamento de livros

Os termos técnicos da área gráfica são estranhos para a maioria das pessoas, e isso acontece em todas as outras áreas do conhecimento. Quem deve conhecê-los são os técnicos e quem trabalha nesta área. Por isso, aqui, vamos tentar explicar estes termos.

Buscamos uma forma de simplificar o pedido de orçamento. Inventamos o termo “Padrão” para descrever um modelo de livro que atendesse a todas as necessidades dos escritores, que poderia se destinar a um maior número de atividades e que fosse o modelo mais barato. Na área da indústria gráfica, o mais econômico está relacionado ao aproveitamento de tempo de produção e ao aproveitamento de materiais, no nosso caso, a principal matéria-prima é o papel.

A seguir, explicamos passo a passo os termos utilizados no formulário de orçamento:

Padrão: livro nas medidas 14 x 21 cm (tamanho mais usado), papel cartão apropriado para a capa e papel apropriado (tipo Sulfite 75 g) para as páginas, capa impressa com tinta colorida e páginas impressas com tinta preta, encadernado com  lombada quadrada, como livro, com  orelhas, capa revestida com plastificação brilhante. Você deve assinalar Padrão e somente o número de páginas e a quantidade de exemplares. 

A seguir, disponibilizamos o formulário no qual assinalamos especificidades de seu projeto de impresso:

Tipo

Fizemos uma separação entre as categorias de impressos que trabalhamos e que têm diferenças significativas entre eles.

Livro: apropriado para impressão de texto de romance, poesia, história, didáticos, científicos, acadêmicos, entretenimento. Podem ser ilustrados ou não, ter páginas coloridas ou não.

Livro capa dura: a principal característica é ter uma capa colada em um papel muito rígido, que não pode ser dobrado. Requer um tipo de encadernação mais complexa e demorada que o livro comum, por isso, é mais caro.

Revista: é uma publicação periódica de cunho informativo, jornalístico, de entretenimento, acadêmica ou científica, normalmente voltada para o público específico. Geralmente, os formatos podem ser carta, A4.

Promocional: refere-se a publicações de apoio para eventos, como folders, catálogos, cartazes..

Outro: se você acha que sua publicação não se enquadra em nenhuma das classificações anteriores, clique no quadrado e se abrirá uma caixa para que você digite o nome de seu impresso.

Título

Ter o nome do livro ou da publicação é importante para a organização do orçamento. Isso facilita mais tarde o reconhecimento do mesmo pelas equipes de produção da gráfica. 

Formato

Refere-se às medidas do livro quando fechado. A primeira medida indica a largura e a segunda a altura. Na maioria dos casos, a largura é menor que a altura e esta posição, no jargão técnico gráfico,  chama-se Portrait. Quando a medida maior vem primeiro, a publicação chama-se Landscape ou deitada.

As medidas que estão detalhadas no orçamento são as mais comuns. Você pode acrescentar uma outra medida; todas elas são podem ser produzidas.

Com orelhas

Aqui, você escolhe se deseja orelhas ou não. As orelhas são aquelas abas dobradas que estão localizadas nas capas, onde o autor, em geral, coloca a sua biografia, acrescenta uma resenha do livro ou qualquer outro texto que julga pertinente. Geralmente, as orelhas dão maior volume ao livro e não acrescentam custo ao orçamento por causa do aproveitamento do papel.

Cor da capa

A grande maioria dos livros tem uma capa colorida, criativa e chamativa. O sistema de impressão offset funciona apenas com quatro cores básicas que misturadas reproduzem todas as outras cores. Por isso, você vai encontrar as especificações 4 x 0, 2 x 0, 1 x 0, que querem dizer, respectivamente, que a folha será impressa colorida de um lado e no verso não terá cor nenhuma impressa, depois vem 2 cores, uma cor e no verso nenhuma cor.

Papel da capa

Na maior parte dos livros, a capa é impressa sobre um papel cartão grosso, mas flexível, chamado Supremo, com gramatura de 250 g. Este também é o que chamamos de Padrão. Todo livro tem um projeto gráfico concebido à luz de algum significado, uma criação artística livre, ou um modelo tirado de um outro livro já publicado. Seguindo as nossas categorias, temos os Livros Capa Dura  que são empastados em um papel muito grosso e rígido. Mas a impressão é feita sobre outro papel, como o Couchê 115 g e depois colado no cartão. As revistas usam também um Couchê, mas de uma gramatura maior, 150, 170 ou 215 gramas. O material promocional e de apoio para eventos também usa predominantemente o Couchê que reproduz melhor as imagens coloridas.

Papel especial para capa

Nada impede que um projeto gráfico use um papel especial. Neste caso, existem vários, de diversos fabricantes espalhados pelo mundo. São fábricas menores com uma produção menor e como esses papéis especiais ressaltam a beleza, são muito mais caros que os papéis produzidos industrialmente. Para usar estes papéis na produção de livros temos que fazer testes de impressão, e depois, ter um cuidado maior com o resultado. Com isso se consome mais papel para se chegar ao produto final.

Cor do Miolo

Estamos falando de livros, revistas e congêneres. Para nós que somos da área, fala-se em “Editorial” que engloba tudo isso, em contraposição à “Promocional” que são folders, folhetos, catálogos e congêneres que anunciam produtos e serviços. Mas estamos falando de livros e a maioria deles são impressos com tinta preta. O que chamamos de 1 cor, na fórmula 1 x 1 cor, queremos dizer que os dois lados da folha são impressos com tinta preta. O que foge disso aumenta em muito o custo da produção do livro.

Um livro que tem um projeto editorial com o miolo colorido pode ter o seu custo diminuído com uma artimanha inventada por nós: imprimir somente as páginas absolutamente indispensáveis em cor e depois intercalar estas páginas no miolo do livro. Para ter um aproveitamento ainda maior, pede-se que as páginas coloridas sejam múltiplos de quatro, assim, quando especificadas as páginas coloridas poderão ser 4, 8, 12, 16 e 20 páginas. Mais que este número de páginas, o orçamento volta a aumentar o seu custo.

Papel do Miolo

Estamos aqui novamente invocando a palavra Padrão. O papel para miolo mais usado para imprimir livros é um que conhecemos largamente que é o papel branco Sulfite 75 g que na nossa área ganha o nome de papel Offset. Ele é fabricado em folhas cujo tamanho é múltiplo de 14 x 21 cm, o que leva ao aproveitamento máximo da folha. Como alternativa, temos o papel Pólen, e similares, que é um papel com um tom amarelo suave. Muita gente gosta dele, porque dá à leitura uma sensação mais agradável pelo tom amareladinho da folha.

No caso das revistas, utiliza-se o papel Couchê. Ultimamente, tem-se escolhido o Fosco em contraposição ao tipo Brilho, alegando-se o mesmo com este papel: que o fosco produz um efeito mais agradável ao leitor em contraposição ao brilhante que ofusca a vista. Já falamos do Promocional que também usa o Couchê.

Papel especial do miolo

É possível usar uma infinidade de papéis para o miolo, porém, é também muito dispendioso.

Número de páginas

Temos duas individualidades: folhas e páginas. Quando a gente fala em folhas, estamos falando do papel. Quando falamos de páginas, nós nos referimos diretamente ao livro e sua composição: o miolo de um livro é composto de páginas que são impressas em ambos os lados da folha. As páginas são numeradas para facilitar a sua organização e localização. No formulário de orçamento, o número de páginas se refere a todas as páginas do livro, incluindo aquelas que não foram numeradas, mas fazem parte do livro e se contam frente e verso.

Tipo de encadernação

Novamente, temos o tipo Padrão que tem um preço menor que as outras encadernações e que é tão eficaz em sustentar as folhas do livro na capa que a sua similar costurada. A Fresa consiste em riscar e previamente blocar as folhas do miolo com uma cola de sustentação, após um descanso de horas, este bloco é inserido na máquina de colar capa, onde é fresado e aplicada novamente uma cola quente de alta resistência unindo por uma presa a capa a este bloco de miolo.

O processo de costura é mais caro, porque passa por várias etapas a mais que a Fresa. As folhas são impressas em uma ordem que depois precisam ser dobradas e intercaladas para formar os cadernos do livro, que já estão na sua sequência final. Juntam-se os cadernos e inicia-se a costura que leva uma amarração final separando um livro de outro livro. Como no Padrão Fresa, é aplicada uma cola de sustentação ao bloco e deixa-se descansar por horas para depois entrar para a máquina de cola de capa. Este processo não fresa o miolo, somente se aplica a cola quente. A Capa Dura tem semelhança com este último processo, pois leva costura. As revistas também podem ser fresadas ou costuradas.

Mínimo de exemplares para produção

Semelhante a todos os processos industriais, a gráfica também se insere no sistema de linha de produção. Cada etapa é cronometrada e consome um tempo para levar, trazer, preparar a máquina, e até o tempo de fazer os pacotes é medido. É este sistema que dá a qualidade ao produto final. Por isso que quanto mais exemplares é pedido, menor o custo unitário do produto. No caso do livro, 50 e 100 exemplares é uma boa quantidade. Lembrando que publicar é tornar público e o importante é que maior seja o número de pessoas que venham a ler sua obra. No caso do livro Capa Dura, um número mínimo é 100 pelas mesmas razões, principalmente, pelo custo que serão diluídos pelo maior número de exemplares.

Serviços editoriais

Somos uma das pouquíssimas gráficas que presta serviços editoriais para os clientes. Isso porque temos grande afinidade e conhecemos profundamente todo o processo da produção do livro, não somente com a impressão. Sentimos que há necessidade do autor ter um livro com uma capa que, mesmo antes de abrir o livro, transmita ao leitor em imagens o que ele vai encontrar lendo a obra. Por isso, oferecemos o serviço de criação de capa e de diagramação. Através do anos, desenvolvemos um selo editorial, o PoloBooks, que é a marca de nossa editora. Os autores de livros que nos contratam para tramitar o ISBN ganharão este selo que será impresso na capa e na folha de Créditos do livro. E oferecemos o serviço de Revisão de Texto, porque temos uma profunda relação com a qualidade do texto e somos da opinião de que todo texto precisa passar pelos serviços de uma revisora profissional.

Serviços WEB

Não basta escrever, a obra precisa ser divulgada. Não podemos ficar esperando que as revistas descubram o nosso autor, e que as livrarias coloquem em destaque estas obras. Temos alternativas interessantes para divulgar as obras de nossos autores, através da construção de sites simples e de baixo custo dedicados a cada um dos títulos, estes sites são inscritos nos sistemas de busca de assuntos, como o Google e através de e-mail marketing que será construído com o assunto e imagens de seu livro e disparado para chegar ao seu público-alvo, desde os familiares, amigos, relações de trabalho, cidade, afinidades e se espalhando como uma rede para alcançar o maior número possível de pessoas.

Pão Diário, Edição Trimestral

Este material provê uma leitura devocional de alta qualidade. é gratuito (mas estimulamos a oferta). O pastor Elton Melo é leitor assíduo e distribui trimestralmente algumas exemplares, gratuitamente.  O que poderia ser melhor do que receber o Pão Diário? Que tal recebê-lo diretamente na porta da sua casa, regularmente a cada trimestre? Você também terá a oportunidade de receber livrinhos de estudo bíblico sobre temas tais como, aprender a perdoar ou como vencer os obstáculos da vida. Além disso, durante o ano lhe informaremos obre ofertas especiais e como o Nosso Andar Diário está abençoando a vida de leitores em outras partes do mundo.Você receberá a cada trimestre de forma regular, um exemplar de Nosso Andar Diário - fonte: http://publicacoesrbc.com

Quanto custa para editar um livro?

Se você vai publicar seu livro por uma editora comercial, o custo a ser levado em conta é o de tempo para a divulgação de sua obra. Se você acha que o ponto final é o fim do seu trabalho, engana-se. Para dar certo, mesmo sendo publicada por uma editora competente, sua obra precisa que você a divulgue por todos os meios possíveis: internet, amigos, conhecidos, parentes, alunos, clientes etc. Se você vai publicar seu livro por uma prestadora de serviços, seus custos serão, além de tempo, uma quantia razoável em dinheiro. Os valores variam muito, mas a seguir está um pequenos roteiro dos serviços que você pode contratar e uma média imprecisa dos preços, só para você ter uma idéia das grandezas. A lauda é uma unidade de texto também variável, mas que em geral corresponde a 2100 toques quando se trata de edição de livros.

Trabalhos de texto

Avaliação de original/ leitura crítica - um editor ou agente literário lê e avalia a sua obra, produzindo um parecer. O serviço é cobrado por obra ou por lauda lida, ficando em média entre R$ 100 e R$ 250. Deve ser usado quando você tem dúvidas entre apresentar sua obra a uma editora comercial e publicá-la por conta própria, e o que alterar nela.

Redação/ ghostwriting - um redator reescreve o texto que você produziu, ou se baseia em fitas gravadas ou ainda entrevista você, entregando um texto final razoavelmente correto e fiel. Esse serviço depende muitíssimo da experiência do profissional, podendo ser cobrado por hora ou pelo conjunto do trabalho, variando entre R$ 1.000 e 15.000 se for no caso de um pacote. Deve ser usado quando você tem uma idéia mas não sabe como colocá-la no papel, ou precisa produzir um texto mas não tem tempo de o redigir.

Edição de texto - um editor de texto mexe na estrutura, na organização, nos títulos e nas divisões de capítulos de sua obra, podendo cortar trechos e acrescentar outros. Esse serviço também pode ser cobrado por obra ou por lauda, variando nesse caso entre R$ 3 e 15 a lauda. Recorra a uma edição de texto quando sentir que sua obra está repetitiva, confusa ou apresenta problemas de conteúdo.

Preparação de texto/ copidescagem -
um preparador lê com cuidado a sua obra, apontando incoerências, repetições, uso incorreto da língua e falta de normalização. Este serviço é cobrado por lauda e varia de R$ 3 a R$ 10 a lauda. Se você não trabalha profissionalmente com texto, é imprescindível que faça uso desse revisor mais qualificado.

Revisão de provas - um revisor lê a sua obra já diagramada em formato de página, checando não só erros de português como inconsistências de tipologia, espaços a mais ou a menos, numeração, "caminhos de rato", "viúvas", "forcas" e similares problemas de paginação. Esse profissional ganha por página, entre R$ 1 e 3.

Trabalhos de impressão

Composição e diagramação - um profissional ou birô de editoração eletrônica pega o seu arquivo de texto (de preferência já lido, relido, editado e preparado) e o transforma em arquivo compreensível pelo maquinário dos fotolitos e das gráficas, que não aceitam nada em Word. O diagramador distribui o seu texto pelas páginas do modo como irá ficar realmente no livro, numera, define as fontes para títulos, subtítulos, notas de rodapé, e escaneia fotos, desenha gráficos e similares. Esse serviço é pago por página impressa e é etapa imprescindível para a impressão, também sendo chamada de pré-impressão.

Fotolitagem - empresas especializadas (conhecidas como fotolitos) transformam o arquivo de texto paginado (em geral em PageMaker ou Quarkxpress) em filmes ou fotolitos para serem usados na gravação das chapas offset. O preço é por página (R$ 2 a R$ 5) ou metro de filme, variando nesse caso entre R$ 30 e R$ 50. Se o sistema de impressão a ser usado for o offset tradicional, essa também é uma etapa imprescindível. Esse prestador de serviço pode, no entanto, ser contratado pela própria gráfica.

Impressão - uma gráfica faz o serviço de impressão de miolo, refilagem, costura, impressão de capa, colagem e acabamento. O preço é composto a partir do número de páginas por exemplar, cores de miolo e capa, papel utilizado e tamanho da tiragem. Um livro de 112 páginas de miolo em preto e capa a quatro cores não sai por menos do que R$ 1,50 por exemplar se a tiragem tiver mil exemplares. Quanto mais baixa a tiragem, mais caro cada exemplar.

Amós - Comentário Expositivo Hagnos

Livro Amós - Comentário Expositivo Hagnos - Editora Hagnos

Autor Hernandes Dias Lopes - Páginas: 216

Este livro é uma excelente leitura - muito esclarecedor e escrito de forma dinâmica, (li em dois dias). Amós denunciou os pecados de opressão e de injustiça social das nações ao redor de Israel, bem como os desmandos morais de seu povo. Ele denunciou a corrupção no palácio e nas altas cortes do judiciário. Ele diagnosticou os males que destruíram a nação nos centros econômicos da nação, nas mansões dos endinheirados, bem como nos templos religiosos. Ele pôs o dedo na ferida da nação e alertou para a necessidade urgente de arrependimento tanto nas praças de negócios como nos altares religiosos. O livro de Amós jamais ficará ultrapassado. É um texto antigo com uma mensagem contemporânea. Amós ainda ergue sua voz. Ele ainda esta entre nós. Ouvir sua mensagem pode livrar-nos de grandes tragédias.
Páginas: 216 Formato: 14,0 x 21,0 cm. 

Devocional 2017

Devocional on-line grátis!

capa cibi2017 books empilhados

Diante dos problemas, Neemias aprendeu o que Deus pode fazer através da vida de uma pessoa disposta.