Adolescentes, como lidar com eles?

TEMOS ADOLESCENTES EM CASA! QUE FAZEMOS COM ELES? O QUE É A ADOLESCÊNCIA? A palavra “adolescente” vem do latim “adolescere” que significa “crescer”. A adolescência é um estágio distinto da vida, cuja característica é “transformação”. O que faz a diferença dentre outras fases ao longo da vida e que a adolescência é caracterizada por grandes e rápidas mudanças no aspecto físico, psíquico, emocional, social e espiritual. Em todos estes aspectos a indefinição, a oscilação é marcante, por tudo isso, ela vem acompanhada de uma crise de valores.

Essa fase da vida, que liga a infância à idade adulta, traz muitas apreensões para os pais, pois as mudanças que ocorrem com o filho são muito bruscas e desencadeiam dificuldades de adaptação de ambos: pais e filhos. É muito importante conhecer muito bem toda essa complexidade. Uma adolescência normal, tranqüila acontece quando procura-se identificar e entender esta fase decisiva da vida do jovem.
Quando o filho se torna adolescente e sua personalidade começa a se desabrochar, se os pais não tiverem compreensão da dinâmica desse processo, a família poderá enfrentar grandes problemas.

Levando em consideração os aspectos culturais de uma sociedade a demarcação do inicio da adolescência é mais fácil, pois começa com a puberdade – desenvolvimento fisiológico – e isto ocorre por volta dos 11 ou 12 anos de idade. O advento da puberdade provoca alterações de ordem mental, emocional, social e espiritual no indivíduo. Por outro lado, limitar o termino desse período torna-se mais difícil, pois a ênfase esta na questão da maturidade. Cremos que por volta dos 17 anos de idade o jovem já deve ter atingido certo equilíbrio psíquico e também assumido responsabilidades. O envolvimento social influencia muito neste ponto exigindo ou não mais compromissos, responsabilidades e obrigações. 
Os pais devem superar seus medos de encarar essa fase, passando pelas crises com otimismo, procurando sempre a ajuda de Deus. Se os ajustes em fases anteriores foram feitos de modo satisfatório, se os filhos foram criados nos caminhos do Senhor, esse período não ameaçara a estabilidade da família.

O adolescente deve se sentir feliz com seu crescimento e desenvolvimento sadios, aceitando-se a si próprio e ao mundo, num sentimento de gratidão pela bondade do Senhor (...a terra esta cheia da bondade do Senhor. – Sal. 33:5b) e pelo sustendo da vida ( Eis que Deus é o meu ajudador; o Senhor esta com aqueles que sustem a minha alma – Sal. 54:4). Esta é uma fase que deve ser vivida pelo adolescente com toda intensidade, de uma maneira agradável e feliz, mas com muita responsabilidade (Alegra-te jovem, na tua mocidade, e alegre-se o teu coração nos dias da tua mocidade, e anda pelos caminhos do teu coração e pela vista dos teus olhos; sabe, porém, que por todas estas coisas te trará Deus a juízo – Ecl. 11:9)

Some-se a isso um programa centrado na Palavra de Deus, com legítimos desafios espirituais a uma vida de consagração ao senhorio de Jesus Cristo e temos ai uma receita valiosa para quem deseja encaminhar (sem manipular) seu filho adolescente 

Se você é pai de filhos nessa faixa de idade, não perca a esperança. Os valores e princípios da Palavra de Deus permanecem validos e aplicáveis hoje em dia. E todos nós do Ministério com Adolescentes da Igreja Batista Independente em Vitória, ES, estamos prontos a ajudar você nessa importantíssima tarefa de moldar seus filhos ao padrão proposto pelo criador, através da realização de atividades sadias, espirituais e atraentes procurando preencher as necessidades pessoais, psíquicas, sociais e espirituais dos adolescentes, levando-os a um crescimento continuo em todas as áreas. 

Incentive seu(sua) filho(a) a participar da programação do Ministério com Adolescentes da Igreja Batista Independente em Vitória, ES.


Imprimir   Email
Encontrou um erro de digitação? Por favor, selecione-o e pressione Ctrl + Enter.